terça-feira, 26 de junho de 2012

Sexto dia de oração



Olá, caro leitor. A paz de Cristo! Como publicamos no domingo, hoje damos continuidade a nossa novena para rezar em prol da castidade. Hoje rezamos pela santificação da cultura da nossa nação. Faça conosco a meditação abaixo e não se esqueça de depois rezar o Santo Terço. Um abraço fraterno e um bom dia para você.


Sexto dia de oração : pela santificação da cultura da nossa nação


Dia de São Josemaria Escrivá, São José Maria Robles Hurtado, Beato André Jacinto Longhin, Beato Jacques Ghazir Haddad


Exame de consciência

Os meios de comunicação (televisão, rádio, internet, jornais, revistas), os artistas e os intelectuais brasileiros têm defendido, explícita ou veladamente, com mais ou menos força, valores anti-cristãos: promovendo ideias de vida hedonista, relativista (sem bem e sem mal) e revoltada contra a tradição cristã (reputando-a como coisa opressiva ou, no mínimo, antiquada). O marxismo cultural é difundido pelas mais diferentes vias.

Nossos filmes, músicas, pinturas e livros têm refletido o cultivo de uma sociedade que deseja expulsar Deus do seu espaço público e ignorá-Lo de tal modo que pareça ridículo crer em Deus e seguir a Sua Palavra. No lugar de Deus, querem por o homem e sua fome sem fim pelos bens deste mundo.

Pelos vídeos da televisão e do cinema, pelos outdoors e  propagandas, somos bombardeados de erotismo (para buscar uma meta irreal de beleza). Nos ambientes de trabalho, aceitamos uma competição desmedida, desonestidades, mentiras, inveja, tudo pela procura de uma prosperidade material que não visa o bem da família e que, sem misericórdia, não se presta a ajudar os mais necessitados.  Nos estudos, os jovens trocam a busca pela verdade pelas distrações, ou pela militância política cega ou, no máximo, por uma erudição estéril. 


A maneira como muitos se vestem e falam não testemunha pudor, nem modéstia, mas é provocador e ofensivo. Esquecem-se de que são templos do Espírito Santo e, ao invés de portarem-se à altura da sua dignidade, se ornam como se fossem ruínas. Há  muito tempo não ouvimos falar, nem lemos nos livros, nem vemos nas telas, sobre realizar nosso ofício com perfeição e honestidade, sobre amar o próximo fazendo-lhe o bem e protegendo-lhe do mal, sobre ser fiel no casamento, sobre guardar a castidade e viver com modéstia e dignidade, sobre lutar pela justiça vivendo a justiça (sem trapaças, sem "jeitinho brasileiro"). 


Hoje assuntos como esse, tão óbvios para quaisquer homem e mulher de boa vontade, são ridicularizados como "moralismo barato", como se, vendo alguém doente, devêssemos censurar suas queixas por estar em estado tão deplorável e seu desejo de ficar são.         

Considerando  isso, pensemos em como temos vivido:

(1) Tenho financiado uma cultura de morte? Tenho permitido que entre em minha casa conteúdos que promovam o que desagrada a Deus? Ouço músicas indecentes? Assisto e recomendo filmes que promovem valores anti-cristãos?  Patrocino eventos que ofendem claramente a Deus e a Sua Igreja? Tenho me dedicado à leitura da Sagrada Escritura, da vida dos santos, dos documentos da Igreja para conhecer mais sobre Deus e sobre os valores cristãos? Tenho buscado conhecer a verdade e agir segundo ela? Tenho me vestido e me comportado com modéstia e com santo pudor? As minhas conversas tem levado as pessoas a serem mais santas? Tenho testemunhado o que digo por minhas ações?

(2) Ajo com justiça? Dedico-me a uma vida de trabalho honesto e de oração constante? Realizo meu trabalho com dedicação e com amor a Deus e ao próximo? Ajo e promovo valores como honestidade, dedicação, laboriosidade, justiça, amor a Deus e ao próximo? Tenho buscado os caminhos fáceis e cômodos ou enfrentado os desafios da vida com coragem, força e sabedoria, fazendo o melhor por amor a Deus e para oferecê-lo em benefício da família e da sociedade?



Leitura breve


"Que a tua vida não seja uma vida estéril. - Sê útil. - Deixa rasto. - Ilumina com o resplendor da tua fé e do teu amor. Apaga, com a tua vida de apóstolo, o rasto viscoso e sujo que deixaram os semeadores impuros do ódio. - E incendeia todos os caminhos da terra com o fogo de Cristo que levas no coração." ( São Josemaria Escrivá, "Caminho", 1)

"Desejo encorajar todas as pessoas de boa vontade, ativas no mundo emergente da comunicação digital, a que se empenhem na promoção de uma cultura do respeito, do diálogo, da amizadeAssim, aqueles que operam no sector da produção e difusão de conteúdos dos novos «media» não podem deixar de sentir-se obrigados ao respeito da dignidade e do valor da pessoa humana. Se as novas tecnologias devem servir o bem dos indivíduos e da sociedade, então aqueles que as usam devem evitar a partilha de palavras e imagens degradantes para o ser humano e, consequentemente, excluir aquilo que alimenta o ódio e a intolerância, envilece a beleza e a intimidade da sexualidade humana, explora os débeis e os inermes." (Papa Bento XVI, "Mensagem para o 43º dia mundial das comunicações sociais". 24 de maio de 2009)

Oração

Nós Vos pedimos, Senhor Jesus, que concedais a graça da fortalecer o povo brasileiro para que cultive os valores, os costumes, as artes, o saber e o trabalho segundo a Vossa Palavra. Pela vossa Bondade, conservai a fidelidade dos brasileiros à doutrina da Igreja, ao Papa e, acima de tudo, a Vós mesmo. Inflamai em suas almas ardentes fé, esperança e caridade, para que sejam testemunhos de santidade, beneficiem à sociedade por seu bom trabalho e evangelização, e inspirem uns aos outros com os mais elevados e santos ideias. Confiamo-nos à intercessão da Santíssima Virgem, vossa mãe, e de São José, São Carlos Lwanga, São Josemaria Escrivá, São José Maria Robles Hurtado, Beato André Jacinto Longhin, Beato Jacques Ghazir Haddad e dos santos anjos da guarda. Isso nós pedimos a vós, Senhor Jesus, que viveis e reinas pelos séculos dos séculos. Amém.

Sugestão de vídeo


Um comentário:

  1. Acrescentamos como sugestão este excelente vídeo de Pe. Paulo Ricardo denunciando o marxismo cultural:

    http://padrepauloricardo.org/aulas/a-infiltracao-do-marxismo-cultural-no-brasil

    Um abraço fraterno. Salve Maria

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nosso blog

Abaixo você tem disponível um espaço para partilhar conosco suas impressões sobre os textos do Apostolado Courage. Sinta-se à vontade para expressá-las, sempre com respeito ao próximo e desejando contribuir para o crescimento e edificação de todos.