domingo, 28 de outubro de 2012

[Esp] O coração e a castidade


Dos aforismos de ‘O Coração’ e ‘a Castidade’ do Servo de Deus François-Xavier Nguyen Cardeal Van Thuan.

“Sem castidade, não existe garantia para o seu trabalho para Deus. “Onde está o seu tesouro, ali está seu coração” (Mt 6,21). Não permitas que os anos que passam levem seu coração com eles. Ama a cada da com um amor mais intenso, mais novo e mais puro. Ama com o amor mesmo que o Senhor derramará no teu coração. 

A imprensa luta, com grande quantidade de artigo, pela defesa dos direitos do homem e dos povos. Mas, ao mesmo tempo todos os meios de comunicação do mundo consideram o homem como um animal, apelam à sua bestialidade e empanturram seu espírito de um alimento que os animais rejeitariam. Onde estão pois os militantes, onde estão as associações para a defesa dos direitos do homem? Lamentavelmente eles são os que tem feito inversões neste tipo de publicações, são eles seus leitores assíduos.

O inimigo está infiltrado na tua própria carne. As revistas, os filmes, os falsos amigos são suas armas cada vez mais modernas. Se você não moderniza a tua defesa com as armas da oração, dos sacramentos e do sacrifício... se não redobras a vigilância se não eliminas todos os brotos de rebelião interior, se segues conversando com seu inimigo, se abandonas os teus mais fieis aliados, quer dizer,os santos e os amigos verdadeiros,não tardarás em sucumbir debaixo dos golpes de um violento ataque.

[Por isso,] jamais se rebaixe a negociar com o demônio da impureza, do mesmo modo que não ficaria a olhar de perto a experiência de uma bomba atômica. A melhor estratégia é a fuga. As propostas do demônio da impureza são muito atraentes; o advogado defensor da luxúria sabe lutar com força. Não fique se entretendo com eles: convença-se de que, depois de um momento de prazer, você vai sentir tédio, remorso e solidão. Porque trocar o céu pelo inferno? 

Pode parecer um fato positivo obedecer ao impulso das próprias emoções [...]. No entanto, preste atenção: bem cedo as emoções acabarão dominando [...] e não vai sobrar nada mais além de um mero sentimento. “A carne é fraca” (Mt 26,41). E continua sendo tal, seja qual roupa com que a queira vestir. Mesmo assim, teu corpo é precioso: foi resgatado pelo sangue de Cristo, é templo da Trindade, está destinado a ser glorioso na eternidade. Por conseguinte, não queira pô-lo à venda! Rompe tuas cadeias, ainda que sejam de ouro. Então poderás avançar. Ao final do caminho permanece o Senhor: Ele te espera!”.


[In: VAN THUAN, François-Xavier Nguyen. O caminho da Esperança
§ 178,179,192, 429,439,447,449,450,451. Bauru, SP: Edusc, 2000]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar nosso blog

Abaixo você tem disponível um espaço para partilhar conosco suas impressões sobre os textos do Apostolado Courage. Sinta-se à vontade para expressá-las, sempre com respeito ao próximo e desejando contribuir para o crescimento e edificação de todos.